jump to navigation

A burocracia como você nunca viu. 29 de outubro de 2009

Posted by luizffonseca in Uncategorized.
Tags: ,
3 comments

Se, para você, a palavra burocracia lembra muita espera, irritação, incompetência e poucos resultados, preciso te apresentar alguém.

Este foi Max Weber:

weber

Coitado!

Originalmente proposta por Weber, a burocracia sempre exerceu um papel importante junto às organizações: o de organizar e manter a funcionalidade das mesmas.

Propondo a obediência das leis, a profissionalização, a comunicação escrita, a impessoalidade dos funcionários e a padronização dos processos, a burocracia vem tornar mais previsível o ambiente social das organizações, buscando, assim, a organização da sociedade como um todo.

Todas as organizações atuais são burocráticas, os processos são padronizados para favorecer a organização. E não poderia ser diferente, a burocracia impede que a sociedade se torne injusta.

No entanto, a burocracia deve ser dosada, pois é incompatível com a inovação e criatividade, fatores essenciais para o crescimento de qualquer organização atual, e pode ainda atrapalhar o trabalho de alguns profissionais que precisam de mais liberdade de ação em seus campos de atuação.

As disfunções, que nos fazem querer distância da burocracia, estão por toda parte, o excesso de procedimentos e de documentos desnecessários nos processos burocráticos atrapalha, ou até interrompe a funcionalidade da sociedade. Elas ocorrem quando os gestores se esquecem de “dar manutenção” na burocracia, que precisa de contínuas análises para melhorar os processos.

As proposições de Weber são coerentes, mas, lembre-se, também tem que ter um limite!

Anúncios

Inove você também! 26 de outubro de 2009

Posted by luizffonseca in Administração.
Tags: ,
add a comment

Inovar passou a ser um mandamento em praticamente todos os ramos de trabalho. Se não for uma obrigação, a inovação se torna, no mínimo, um diferencial.

Não, isso não é um merchandising do Bradesco…

bn_2000inove

Mas eles estão certos, inovar é a palavra de ordem do momento.

Nem preciso falar da importância da inovação na publicidade. Bons exemplos sempre são encontrados em Cannes e no PSV-Site.

Então vamos falar de negócios!

Muitos empresários já sabem sobre a importância da inovação para o sucesso nos negócios. Mas outros, porém, continuam travados, esperando que uma boa oportunidade bata na porta do escritótio e se perdem em meio as mudanças que ocorrem no ramo do negócio.

Uma fábrica de tijolos e uma confecção são empresas bem diferentes. Mas compartilham as mesmas preocupações: acompanhar as mudanças do setor em que atuam. Não ficar parados no tempo, atrás dos concorrentes.

Inovar não é tão dificil quanto parece. Soluções para pequenos(aparentemente) problemas já são grandes passos para o crescimento de um negócio. Enfim, o mais importante é estar sempre globalizado, a par de quaisquer mudanças que ocorrerem no seu ramo de atuação e nunca perder o foco no seu próprio negócio para não deixar escapar qualquer possibilidade de melhoria, seja no processo de produção ou na gerência.

A ordem é clara, num tempo de internet 2.0,vnão há espaço para empresas 1.0, então seja um gestor 3.0…. só pra garantir!

Estágio Vs Trainee 1 de outubro de 2009

Posted by luizffonseca in Uncategorized.
Tags:
add a comment

Você já sabe qual é o melhor para você?

Tenho ouvido muito a palavra “trainee” ultimamente, parece que está bastante na moda. Mas muitas pessoas, principalmente jovens universitários, não sabem a diferença entre trainee e estágio e usam a palavra nova desodenadamente, achando que são sinônimos. Não são.

Estudei um pouco sobre o assunto e vou tentar escclarecer a diferença:

Estágio é um programa de treinamento para estudantes. Não é um emprego, a empresa está “fornecendo” experiência ao estagiário, nem todos os estagiários são efetivados, apenas aqueles que se destacam. O estagiário ganha menos que todo mundo (ou nem ganha…) e trabalha mais que todo mundo.

Trainee é uma forma de uma grande empresa treinar um gerente. Pode durar anos, o sujeito deverá passar por todos os setores da empresa, e ao final, é escalado para gerenciar o setor ao qual melhor se adaptou. O trainee trabalha bastante, mas ganha bem e é um funcionário regular da empresa, talvez seja até mais que isso, é um cara que entrou “pre-destinado” a ser um gerente. Trainees geralmente já concluiram o ensino superior.

E ai?  Já sabe de qual você vai correr atrás?