jump to navigation

Ai sim, fomos surpreendidos novamente! 17 de agosto de 2010

Posted by luizffonseca in Uncategorized.
trackback

Primeiro quero me desculpar pela ausência no blog, o sumiço foi grande mas agora como alguns sabem, estou bastante ocioso e vou tentar preencher o meu tempo escrevendo mais por aqui, afinal, eu ainda preciso praticar não é mesmo?

Não costumo escrever sobre dilemas pessoais ou sobre reflexões, mas são quatro horas da manhã e eu não consigo dormir, porém minha mente me leva a lugares inimagináveis até quando estou acordado, e após vislumbrar esses momentos em minha cabeça eu parei pra pensar o que tem acontecido de importante comigo. O que eu vi foram voltas e mais voltas, desde ver o fundo de um poço até alcançar as portas do céu, em pouco mais de dois meses meu humor tem se alterado e trocado de eufórico para estremamente arrependido as vezes passando por alguma indiferença. Mas fazer o que, a vida continua, essas reflexões me ajudam a perceber que o que importa em cada reviravolta que vida dá é a lição que você pode tirar dela. Nas últimas semanas tenho me acabado em pensamentos, tentando tirar de cada decepção um ensinamento e a verdade é que aquela pisada na bola não pode se repetir. A cada experiência que temos adquirimos mais certeza de o que fazer ou sobre como vai ser, até que tudo se explode indo em direções opostas. Não era isso que eu tinha planejado, mas foi o que eu plantei, cada risco que assumi deixou de fazer sentido quando eu parei de me empenhar para diminuí-lo, cada perspectiva que eu possuía ficou pior a medida que eu me importava com outras coisas, mas mesmo assim eu não mudei.

Nós detemos o poder de nos transformar no que quisermos (não se esqueçam das leis da física), mas esquecemos e apenas “deixamos rolar”, pois eu aconselho que a partir de agora, planeje, mas escolha metas que pode alcançar; arrisque,mas não se esqueça de trabalhar no sentido de diminuir os seus riscos para que suas metas se tornem mais simples para que, então, você possa criar novos projetos e colacá-los em prática, só assim chegaremos a algum lugar; esteja sempre pronto, não deixe que as suas oportunidades escorram pelos seus dedos; tolerância é uma virtude; tente melhorar tudo ao seu redor, mas não perca tempo com coisas imutáveis; confie em alguém, mas a expectiva ainda vai te fazer sofrer; enfim, não deixe que a vida te dê um susto, deixe que ela te traga surpresas!

“…que essa tensão que me corrói por dentro seja recompensada. Porque metade de mim é o que eu penso, mas a outra metade é um vulcão”  Oswaldo Montenegro

Boa noite galera e desculpem a surpresa, mas é que a minha vida tem me surpreendido bastante! um beijo e abraços fraternos a todos!

Anúncios

Comentários»

1. Sinva's - 17 de agosto de 2010

Acho que sei o motivo do texto. Ficou bacana, B’negão!
Quero um blog também, haha. Principalmente agora, época de política.
Abraço. Ta fazendo falta na sala!

2. ROdes - 18 de agosto de 2010

FILETTTTTTT VIU BRODII
FILET
CURTII

3. Izabella Almeida - 18 de agosto de 2010

Tantas coisas nos surpreendem hein Lu?
Seu texto ficou muito bom! E acredito que de agora em diante tudo ocorrerá de uma maneira correta e consciente! Isso não significa que não será doloroso porque a dor é invetitável a partir do momento que rotinas agradáveis são quebradas! Que amigos que se viam todos os dias deixam de ser ver! O coração aperta, a cabeça pensa, o que fazer?! Como agir a essa situação? A vontade é simplesmente de chegar e falar: Por favor não vá! Você faz falta! Você é importante!
Corações apertados! Mas cheios de esperança pra que tudo de certo!
Que tudo se encaminhe ao rumo da felicidade! Nós sabemos que as maiores armas nós temos que é o conhecimento e a vontade de vencer! E que além de estarmos armados temos um exército ao nosso lodo, um verdadeiro exército, uma verdadeira amizade!
Só queria dizer que VOCÊ FAZ FALTA!
Mas isso nem é tão relevante pois sei que só não seremos mais simples colegas! De agora em diante seremos muito mais do que isso seremos amigos!

luizffonseca - 18 de agosto de 2010

Bella!!!!!!!!! quase chorei aqui agora! Valeu bella….estou sem palavras pra agradecer a força!
beejooo!

4. patrick adriano - 18 de agosto de 2010

Moss… vc escreve muito bem!!!

Compreendo bem o que está sentindo.

Abraços

5. Amanda - 19 de agosto de 2010

[ enfim, uma noite inspirada!]
Realmente, de junho pra cá o mundo girou tanto que eu nem sei mais o rumo da minha vida. E definitivamente isso nao aconteceu so comigo.
Mudancas na faculdade, em casa, na vida sentimental, social.. tantas responsabilidades.. aaih, crescer e virar adulto é uma bostinha! De verdade!
Mas sabe, mesmo com tantas turbulencias sempre tem aquelas coisas, pequenas coisas, que ajudam a gente a nortear a vida.
É quando você dirige ouvindo aqueeela musica bacana, ou quando voce para e repara naquela arvore que ta ali todo dia e vê como é bonito o tom verde que reflete quando a luz bate, ou quando tá beeem frio e voce toma aquele capuchino quentinho.
É um amigo que tá ali pra te ajudar quando você chora, ou que tá ali também pra comer um subway ou simplismente tá ali, sem fazer nada, mas tá ali!
Enfim, acho que de cada fase difícil da vida, por maior que ela seja, a gente sai renovado, se conhecendo melhor e conhecendo tambem melhor as amizades que a gente pode contar de verdade.. E pronto pra encarar os problemas que sempre vao aparecer e que, querendo ou nao, sao o que nos motivam a continuar querendo sempre melhorar.. e a nao ficar entediados!.. Pensa que saco que seria se nao houvesse nenhum probleminha pra ser resolvido?
De certa forma, viva os problemas!

6. Taísa - 23 de agosto de 2010

É isso!!!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: